Me contaram que quando lançaram as guitarras Fender foi um sucesso estrondoso, todos os bons guitarristas do mundo queriam uma e quase todos que tinham condições conseguiram. Assim eram com todas as marcas de sucesso. Mas o capitalismo “selvagem” tem suas manhas e logo começaram a fabricar o mesmo produto com a mesma marca mas a qualidade pobre. Assim acontece sempre que escolhem a quantidade em vez da qualidade, a venda de boiada.
Aqui nos US, em Miami FL, eu estava observando isso. O leite condessado é aquele leite que a gente comia a lata com o furo na geladeira, (para quem já fez isso como eu), o detergente é detergente, o sabonete é sabonete, a faria de trigo é farinha de trigo, me refiro na qualidade do produto pois o governo não permite enroladas, aqui até o brasileiro (alguns) são ,mais brasileiros. E eu pensei e a Rapadura, eu desconfiava que teria, pois tomei um “GUARAPO” ou seja caldo de cana, e como eu estou escrevendo um texto para curta que se chama Em Busca da Rapadura Perfeita resolvi procurar rapadura, não, não foi difícil, achei no Walmart e pasmem, até a rapadura aqui é RAPADURA.
Sim,,,,, até o presidente é um presidente.